quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Auto ajuda divertida


Nos anos 90 a editora 34 trouxe uma série de livros em formato de auto ajuda com o objetivo de divertir. Os títulos eram simplesmente absurdos. Vamos escrachar, era o lema. Assuntos antes conversados em rodas de amigos, quase tabus, vieram à baila com toda a sorte de argumentos usados há tanto tempo, e reunidos num único exemplar sobre o tema.

Pouca coisa ali era pra ser levada a sério...A não ser.... que a pessoa estivesse na maldade e quisesse aproveitar as respostas usadas no livro, tão à mão, para por em prática na própria vida.
Bom, nunca ouvi falar de alguém que tenha conseguido enlouquecer A, B ou C, ou até destruído o próprio casamento depois de ter lido algum dos livros. Mas nunca se sabe.

O fato é: os livros são divertidíssimos, com tiradas engraçadíssimas, ótimos pra passar o tempo. Todos os livros são fininhos, cerca de setenta e poucas páginas cada um. Dá pra ler na condução a caminho do trabalho e chegar lá sem estresse. Porque rir ainda é o melhor remédio.

Abaixo as capas. Quem sabe você não se identifica com uma das (in)diretas...






"O princípio é o seguinte: filho é sempre filho único,
independente do número de irmãos."

"Quando você acompanhar sua mãe a uma festa e ela estiver no meio do primeiro drink, 
pergunte se não acha que está bebendo demais."

Quando ela começar a sambar sozinha o samba enredo de sua escola, chame-a num
canto com um ar bem sério e pergunte o que está acontecendo com ela."

Quando ela for o centro das atenções de um grupo de amigos e algum estranho
lhe perguntar quem é, diga que não a conhece. Dê um jeito
de sua mãe saber disso."
(Como enlouquecer sua mãe...)

"Não deixe que ela dirija. Se ela insistir, ceda, mas dê conselhos o tempo inteiro."

"No restaurante sente de frente para a tv."

"Não ria quando ela disser uma piada."

"Deixe o sabonete cheio de cabelos."

"Deixe sua toalha molhada sobre a cama."
(Como enlouquecer uma mulher...)

"Ela - esqueça o dia do aniversário dele
Ele - esqueça o dia do aniversário de casamento de vocês
Ela - todo aniversário dele, acorde de mau humor
Ele - anote o dia do aniversáio de casamento pra não esquecer, mas 
escreva o dia errado
Ela - fique uns 3 anos dando o mesmo presente pra ele. Qualquer
coisa que não dê muito trabalho pra comprar
Ele - dê para ela um molinete e uma vara de fibra pra
ela pescar
Ela - dê para ele roupas muito menores do que o número dele.
Erre sempre
Ele - dê presentes "pra casa" no aniversário dela
Ela - dê coisas usadas para ele, mas embrulhe
e finja que comprou
Ele - no aniversário de casamento, leve ela pra jantar no McDonald's e rache a conta"
(Como destruir seu casamento...)

#leituranossadecadadia:

  • Gerson Couto - Hemisfério Dorso (Multifoco)
  • Christine Feehan - [Cárpatos 2] Desejo Sombrio
  • Francisco Xavier - Sexo e Destino (FEB)
  • Valéria Fabrizi Pires - Lilith e Eva (Summus)




Nenhum comentário:

Postar um comentário