sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Jennifer Kaufman & Karen Mack - Ler, Viver e Amar em Los Angeles



"Os Livros ensinam a você como outras pessoas pensam, o que elas estão sentindo
e como se transformam de seres comuns em seres extraordinários.
Muitas vezes elas são tão atraentes e inteligentes que você
prefere passar o tempo lendo sobre elas a fazer qualquer outra coisa.
E, diferentemente da vida, se não gostar do que
está lendo, você pode fechar o livro com força e depois...Paz.
Aquela voz amistosa e persuasiva fica emudecida
até que você decida abrir o livro novamente."

Identificou-se com a personagem? Se você é uma "bookholic", então você vai gostar de ler sobre Dora.

Ficha técnica: Ler, Viver e Amar em Los Angeles (Literacy and Longing in L.A.)
Autores: Jennifer Kaufman & Karen Mack
Editora Casa da Palavra
Lançamento original: 2006
Lançamento BR: 2008
319 páginas

Sem trabalho, com um segundo casamento destroçado e descobrindo a doença do pai, Dora tem seu mundo em ruínas. Para fugir da realidade ela só tem uma solução: trancar-se me casa ao lado de seus muitos livros, uma garrafa de vinho e a banheira. Lá ela passa dias esquecendo dos problemas e deleitando-se com vidas alheias nas páginas de livros.
Numa de suas idas à livraria, ela conhece Fred, o que poderia ser um novo príncipe encantado. Mas Fred faz mais do que isso. Ela traz à baila sentimentos novos e a necessidade de novas decisões. O que fazer então? Encarar o novo desafio? Ou retornar ao já conhecido ex que se mostra arrependido?

O livro não é novo. Lançado no Brasil em 2008 teve seu sucesso merecido entre os leitores por uma simples mas não fácil questão: a total empatia dos leitores.
Nas páginas desse romance contemporâneo o leitor - eu inclusive - se vê nos pensamentos de Dora; em relação à sua paixão pelos livros, pela leitura.
Os conflitos dela talvez até sejam considerados normais, sem grandes novidades, mas a forma como o amor pelos livros foi passada pelas autores foi de uma singeleza ímpar.

Aos "bookholics" de plantão um dos trechos mais verdadeiros, e por isso famoso, deste livro.
Pegue seu exemplar, sua taça de vinho, acomode-se e deixe-se levar...

"Eu coleciono livros da mesma forma que minhas amigas compram bolsas de grife.
Às vezes, só gosto de saber que os tenho e lê-los  de fato não vem ao caso.
Não que eu não termine lendo-os todos, um por um.
Eu os leio. Mas o mero ato de comprá-los me deixa alegre - 
o mundo é mais promissor, mais satisfatório.
É difícil explicar, mas eu me sinto, de alguma forma,
mais otimista." (p. 23-24)






#leituranossadecadadia:

  • Day Leclaire - [Dante 1] A Noiva Chantageada (Harlequin)
  • Johanna Lindsey - [Medieval 2] Fúria de Amor
  • Alyson Noël - Radiante (Intrínseca)
  • Barbara Cartland - O Príncipe Grego (Nova Cultural)

Nenhum comentário:

Postar um comentário