segunda-feira, 10 de setembro de 2012

Monica Burns - Assassin's Heart



Ficha técnica: Assassin's Heart (The Order of Sicari #2)
Autora: Monica Burns
Editora Berkeley Sensation
Lançamento original: 2010
Lançamento BR: ainda não
368 páginas

Aventura, Romance e uma pitada de Literatura Fantástica.

Sim, eu já sei que comentei sobre este livro - fevereiro/2012 - entretanto, como ele faz parte de uma trilogia e eu tinha lido tudo numa tacada só, não dei o devido destaque a este, que tornou-se meu preferido.


 "O segundo em comando na equipe da Ordem era Lysander Condellaire.
Com seu rosto personificando meio anjo, meio demônio, por ter sido desfigurado e torturado pelos inimigos, ele carrega um grande segredo. Segredo este que pode fazê-lo ser expulso da Ordem. Mas antes que isso acontecesse ele passou a afastar todos de sua vida, inclusive a pessoa que ele mais amava: Phaedra DeLuca.
Phaedra tem o poder da cura. Ela não se conforma em ter sido chutada por Lysander quando ela pensava que eles tinham um futuro juntos. E pior, ele preferiu ficar com uma horrenda cicatriz a ser curado por ela.
Agora, à procura do relicário, eles foram obrigados a trabalhar na mesma equipe. E apesar de todos os esforços para manter-se afastado dela, eles passaram a dividir mais uma coisa: sonhos. Sonhos estes que eram a chave para encontrar o relicário.
Segredos são revelados, lutas são travadas. Pode o amor que os abandonou no passado, salvá-los no presente?"


Como disse acima, o enredo deste livro traz de tudo um pouco: guerreiros lindos, maravilhosos, ação, história antiga (ao remontar todo o princípio da Ordem Sicari na Roma antiga) e cenas hot de dar água na boca.
Lysander guarda um segredo que pode mudar completamente a sua vida, talvez até o faça ser expulso da Ordem, mas o que mais lhe dói é saber que por causa disso ele teve que se separar da única pessoa que o fez se sentir diferente, Phaedra.
Ela não entende o porquê dele negar ser curado por ela, logo no início do livro (ela é uma "healer" - curadora) e pior, a partir daí ele diz coisas que a faz afastar-se dele. 
Mas tendo que trabalhar juntos ficaria difícil manter distância para sempre, e é aí que o inimigo descobre a importância dela na vida dele, e o bicho pega.
Ele tem uma personalidade forte - típica dos italianos - e torna-se um Fera ao ter o rosto desfigurado pelo inimigo. Mas seus lábios, segundo ela, eram o que mais chamava atenção em seu rosto, continuam intactos.
A história é maravilhosa e você fica com um gostinho de quero mais. O bom é que ainda tem o terceiro volume (resenhado).
Abaixo, como eu os imagino.



E a escritora, que é um encanto de pessoa, concordou comigo ao comentar no Facebook sobre o personagem ser o preferido dela também:



a autora

Nenhum comentário:

Postar um comentário