quarta-feira, 27 de março de 2013

Enquanto WALKING DISASTER não vem...



As fãs de Jamie McGuire estão nervosas (inclusive eu!) com toda essa espera para o lançamento do livro 2 da série BEAUTIFUL, WALKING DISASTER.

Aqui no Brasil o lançamento está previsto para o meado do ano, enquanto nossas hermanas lá de fora terão a oportunidade de tê-lo nas mãos já na próxima semana, dia 2 de abril (um dia após o aniversário de Travis Maddox, lembram-se?)

Mas como estamos na era da informática, onde tudo pode ser compartilhado, encontrei uma resenha em um blog (http://www.shebookblogs.com/tag/jamie-mcguire/), aprovada e autorizada pela própria autora em sua página no facebook.

Portanto, meninas, preparem-se para saber algumas coisinhas...
Não se preocupem, nada de spoilers fortes. De qualquer forma, já sabemos o que acontece na história, com a única diferença de que neste livro tudo é contado a partir do ponto de vista de Travis.

"As últimas palavras da mãe de Travis para ele antes de sua morte foram “AME FEROZMENTE e LUTE COM MAIS FEROCIDADE AINDA” . Travis nunca tinha se apaixonado antes de conhecer Abby. Abby não quer um relacionamento com um cara como Travis já que ela teme que será apenas uma vida como a que ela teve junto de seu pai (apostas e bebedeiras). No entanto, esses dois não podem mudar o que eles sentem um pelo outro, dois indivíduos muito complexos tentando fazer isso funcionar.
Abby pode parecer cruel e não compreensiva em algumas cenas em Walking Disaster, mas é por isso que é importante ler Belo Desastre primeiro, para entender porque ela faz o que  faz em Walking Disaster.
Quando li pela primeira vez Beautiful Disaster no verão passado, eu adorei, mas tinha tantas perguntas sobre os pensamentos de Travis e sentimentos durante algumas cenas... Minhas perguntas foram sobre a noite em que  Travis trouxe as duas meninas para casa quando Abby foi morar com ele por um mês (após a aposta); na manhã depois da noite em que eles passaram juntos e ela foi embora; e tudo o que aconteceu em Las Vegas. Todas essas cenas foram muito bem escritas e muito intensas, mesmo que eu soubesse o que ia acontecer.
Uma coisa que eu sempre admirei sobre Jamie McGuire escrever Beautiful Disaster era que para ela não bastava escrever uma história de amor simples sobre Travis e Abby. Ela fez um trabalho incrível, tendo os leitores em mente durante todas as suas jornadas, de uma maneira que só um escritor incrível pode fazer. Jamie McGuire tinha uma grande imaginação para uma história e escreveu lindamente.
Quando cheguei a 82% de Walking Disaster, eu estava ficando um pouco deprimida porque essa história ia acabar logo. Eu amo e odeio esse sentimento.

 Eu fiquei incomodada com algo? NÃO. Adorei cada palavra.
 Senti conexão com os personagens? SIM.
 Vou reler? Definitivamente.
 Ritmo da história: Perfeito.
 Pontos Positivos: Ponto de vista de Travis. Eu acho que se os leitores tiveram problemas com a maneira que Travis atuou em Beautiful Disaster, eles vão compreender suas ações / comportamento, que só vai fazer você apreciar e amar a história mais. O prólogo e o epílogo só foram fenomenais.
 Negativos: Que a história de Travis e Abby terminou. No entanto, tenho esperança de que haverá sequência com os irmãos Maddox! Um apelo para Jamie McGuire.
 Eu recomendaria? ALTAMENTE. Não haverá arrependimentos na leitura desta série."

E então, meninas, o que acharam? Travis ganhou mais uns pontinhos.  ;)





Um comentário:

  1. O que eu achei??? Acho que vou surtar de tanto que ainda tenho que esperar por este livro... Vlw Vania, por dividir estas preciosas informações com a gente... Adorei. Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir