terça-feira, 11 de junho de 2013

SEMANA DOS ROMANCES HISTÓRICOS: Ashlyn Macnamara - A Most Devilish Rogue



Livro #3 da Maratona dos
Romances Históricos





Ficha técnica: A Most Devilish Rogue
Autora: Ashlyn Macnamara
Editora Ballantine Books
Lançamento original (previsão): 23 de agosto/2013
Lançamento BR: ainda não
384 páginas


"Anos atrás, quando Isabelle Mears ainda era uma mocinha muito apaixonada para entender a vida, ela entregou sua inocência para um homem desonroso. Embora em ruína e expulsa da sociedade, ela tem trabalhado duro para abrigar seu filho ilegítimo, Jack. Tendo jurado deixar os homens fora de sua vida tranquila, mas digna, Isabelle não está preparada para o profundo desejo que rasga através dela quando um estranho bonito resgata seu indisciplinado filho  de seis anos de idade, a partir da arrebentação do mar.

George Upperton é um homem em apuros com as dívidas, mulheres, e uma família  intrometida. Ele é, por todas as contas, o último cavalheiro na terra o qual Isabelle deva se sentir atraída. Mas a solidão é uma amante difícil, e cautela dá lugar ao desejo. . . apesar de Isabelle está convencida de que a felicidade não pode ser encontrada nos braços de um ladino  diabólico. Somente quando Jack é sequestrado, Isabelle descobre a verdadeira profundidade da devoção de George e quão longe um homem bom vai lutar para que a mulher cujo amor é tudo que importa."

ROMANCE HISTÓRICO. PRÉ-LANÇAMENTO.


(English review scroll down)

Numa epoca em que ao homem tudo era permitido, mas à mulher, nada, George e Isabelle encontram-se em meio a uma confusão familiar.
Ele está afogado em dívidas, com uma amante (e o irmão dela) ameaçando-o por ela estar grávida, e ainda tendo que lidar com uma mãe que quer casar ele e suas outras filhas.
Para fugir dos problemas e tentar encontrar uma solução, George resolve ir à festa na casa de campo do amigo Benedict e sua esposa Julia, e acaba encontrando Isabelle e seu filho na beira do mar, onde por pouco uma onda não leva o menino embora.

Isabelle é uma mulher desprezada pela sociedade. Ela entregou-se a um homem canalha que a deixou grávida. Expulsa pela própria família, ela foi para longe criar seu filho sozinha. 
Quando seu filho quase morre afogado, mas é salvo pelo belo desconhecido, ela logo percebe que aquele homem significava perigo.Ela tenta manter-se afastada, mas com o rapto de seu filho, George envolve-se querendo ajudá-la.

Os dias passam enquanto eles procuram o filho. O envolvimento emocional deles cresce e a partir daí todo o mistério sobre a origem de Isabelle e quem era o pai do seu filho - o porquê do rapto do menino - vem à tona. Mesmo com todo o escândalo que envolvia ter um relacionamento com Isabelle, George já estava irremediavelmente apaixonado para se importar com a opinião da sociedade.

As cenas em que mostram o desprezo que a sociedade sentia por Isabelle são bem realistas, em especial quando ela tem o primeiro confronto com alguém de sua família, depois de anos mantendo-se afastada.

Uma bela história de amor.

A conexão com os personagens deu-se logo no início, começando com as confusões em que George se meteu.
O ritmo da história é boa, mas ao mesmo tempo me remete ao ponto negativo: o tempo que levou para encontrar o filho de Isabelle, Jack, demorou um pouco demais para mim. Sempre que uma história envolve uma criança, fica difícil encontrar o equilíbrio para a história não perder o ritmo e nem tornar-se chata.
Ponto positivo: os personagens são possíveis. O que acontece com Isabelle era costume na época, sendo desprezada e abandonada pela família. Além disso, adorei os personagens secundários, como o casal Benedict e Julie e fiquei com vontade de ler o livro anterior, que é a história deles.

4 ESTRELAS!!!

Sobre a autora:  



Goodreads  |  Facebook  |  Site  |  Twitter


*Cópia do livro fornecida pela NetGalley para uma resenha de opinião sincera
----------------------------------------------------------------------------------------------

English review:

In time when everything was allowed to the men, but nothing to women, George and Isabelle meet each other in the middle of a family confusion.
He is drowning in debt, with a lover (and her brother) threatening him for her pregnancy and still having to deal with a mother who wants to marry him and her other daughters.
To escape from the problems and try to find a solution, George decides to go to a country party  of his friend Benedict and his wife Julia, and ends up finding Isabelle and her son at the sea, where barely a wave takes the boy away.

Isabelle is a woman scorned by society. She surrendered herself to a man who left her expecting a baby. Expelled by her own family, she went away to raise her son by herself.
When her child almost drowns, but is saved by the beautiful stranger, she soon realizes that  man meant danger. She tries to stay away, but with the abduction of his son, George wants to help her.

Days pass while they seek the child. The emotional involvement of them grows and from there the whole mystery about the origin of Isabelle and who was the father of her son - why the boy was abducted - comes alive. Even with all the scandal involving to have a relationship with Isabelle, George was already hopelessly in love to care for the society's opinion.

The scenes that show the contempt that society felt by Isabelle are very realistic, especially when she has her first confrontation with someone from her family after years of staying away.

A beautiful love story.

The connection to the characters came up early on, starting with the confusions that George got into.
The pace of the story is good, but at the same time brings me to the Negative Point: the time it took to find Isabelle's son, Jack, was a little too much for me. Whenever a story involves a child, it is difficult to find the balance to the story  not miss the pace or become boring.
Positive point: the characters are possible. What happens with Isabelle was ordinary at that time, being scorned and abandoned by her family. Also, I loved the secondary characters, such as Benedict and Julie and I was eager to read the book before,  their story.

4 STARS!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário