quarta-feira, 3 de julho de 2013

Amanda Scott - The Battling Bluestocking



Ficha técnica: The Battling Bluestocking
Autora: Amanda Scott
Editora Open Road Media
Lançamento original: 1985  Relançamento: maio/2013
Lançamento BR: ainda não
223 páginas


"Será que Jessica Sutton-Drew irá ganhar a discussão ou o coração dele?


De temperamento forte e inteligente, a srta. Jessica Sutton-Drew gosta de defender causas nobres como a independência das mulheres, bem como a sua tia formidável, Susan Peele,  a mulher emancipada mais assustadora de Londres, apesar dos protestos de outros parentes contra esse tipo de comportamento grosseiro. Mas a senhorita Sutton-Drew pode ter encontrado seu par em Sir Brian Gregory, dono de uma mina, surpreendentemente rico e magistrado local, que também é bonito, brilhante e encantador. Convencidos de que Sir Brian é culpado de qualquer número de injustiças sociais, Jessica resiste à sua bajulação sedutora e flerte. Mas pode ela diminuir toda aquela luta tempo suficiente para ouvir seu coração? Ou será que algum  escândalo  pode estragar tudo antes que ela reconhece a verdade?"


ROMANCE HISTÓRICO.


(english review scroll down)


capa da primeira edição


Basicamente uma história de amor em que duas pessoas de temperamento forte se apaixonam, mas nenhum quer dar o braço a torcer.
Jessica é bela, inteligente e dá mais importância a salvar os necessitados do que em prestar atenção à sua própria condição solteirona. Até porque ela está seguindo os passos de sua tia de personalidade única, tia Susan.

Jessica encontrou em Brian um adversário à altura.
Ele logo sentiu que os dois foram feitos um para o outro, mas o difícil seria conseguir a senhorita rainha-dos-argumentos. E com isso eles se envolvem numa luta sem fim de egos e opiniões.
O que Jessica não percebe logo é que todas as vezes que ela precisava de ajuda, Brian estava lá para socorrê-la. Até que finalmente ela sucumbe ao sentimento, mas parece que Brian já não estava mais interessado e parte.
Como ela poderia tê-lo de volta sem abalar seu próprio orgulho?

Uma história divertida, cheia de jogo de poder.
Amanda Scott escreve com delicadeza, usando de um vocabulário erudito e bem fundamentado.

Não senti conexão com os personagens, mas admito que eles eram interessantes e combinavam como casal.
O ritmo da história é bom, mas como disse acima às vezes o vocabulário tornou-se um pouco rebuscado.
Ponto positivo: os diálogos entre o casal foram o ponto forte da história. E a tia Susan era uma personagem engraçada e marcante.
Ponto negativo: o vocabulário. às vezes fiquei um pouco tensa sentindo-me fora de época.
Livro recomendado aos amantes de romances históricos com um conteúdo mais complexo.

4 ESTRELAS.

Para adquirir o livro:  Amazon  |  Barnes & Noble

Sobre a autora


Goodreads  |  Facebook  |  Website


*Cópia cedida pela editora, através do NetGalley, em busca de uma resenha com opinião honesta.
----------------------------------------------------------------------------------

(English Review)


Basically a love story in which two strong-willed people fall in love, but neither wants to take the plunge.
Jessica is beautiful, intelligent and gives more importance to saving the needy than paying attention to her own wildflower condition . Especially because she is following in the footsteps of her aunt unique personality, Aunt Susan.

Jessica met Brian in her match.
He soon felt that the two were made ​​for each other, but it would be difficult to get the Miss Queen-of-arguments. And with that they engage in an endless struggle of egos and opinions.
What Jessica did not realize then is that every time she needed help, Brian was there to help her. Until finally she succumbs to the sentiment, but it seems that Brian was no longer interested and went away.
How could she have him back without undermining her own pride?

A fun story, full of power play.
Amanda Scott writes gently, using a vocabulary learned and well-founded.

I felt no connection to the characters, but I admit they were interesting and matched as a couple.
The pace of the story is good, but as said above sometimes the vocabulary became a bit far-fetched.
Positive point: the dialogues between the couple were the strong point of the story. And Aunt Susan was a funny character and striking.
Negative point: the vocabulary. sometimes got a little tense and I felt off-season.
Recommended book to lovers of historical novels with a more complex content.

4 STARS.

Nenhum comentário:

Postar um comentário