sábado, 27 de julho de 2013

Tara Sue Me - The Dominant (The Submissive Trilogy #2)







Ficha técnica: The Dominant (The Submissive #2)
Autora: Tara Sue Me
Editora NAL Trade
Lançamento original: agosto/2013
Lançamento BR: ainda não
400 páginas

"Nathaniel West nunca perde o controle.

Como o CEO  das Indústrias West, ele governa a sala de reuniões durante o dia, como um rigoroso dominante, com regras rigorosas, ele comanda o quarto à noite. Ele nunca assume submissas inexperientes, mas quando a ficha de Abigail King chega à sua mesa, ele quebra suas próprias restrições e decide testar seus limites.

A combinação de Abby de inocência e boa vontade é inebriante, e Nathaniel  logo decide que quer tê-la como dele. Enquanto ela segue suas ordens e se entrega totalmente a ele, ninguém vai se machucar.

Mas quando Nathaniel começa a sentir algo num nível mais profundo, ele percebe que a confiança deve ir para os dois lados, e ele tem segredos que poderiam fazer os fundamentos de toda a sua relação desabar ..."

ROMANCE CONTEMPORÂNEO. PRÉ- LANÇAMENTO. ERÓTICO. MAIORES DE 18 ANOS. TEMA ADULTO.


(English review scroll down)

Um livro totalmente focado na parte erótica.
Desde o início você sabe a que vieram os personagens. Poucos diálogos e muita sacanagem, tudo direcionado a BDSM.
O interessante é que o personagem principal - aqui é pelo ponto de vista dele, não dela - é até um homem que faria as mulheres virarem a cabeça para olhar duas vezes. Bonito, bem sucedido, com uma pitada de mistério até mesmo para os amigos mais próximos. Mas a 4 paredes ele gosta de um relacionamento sem envolvimento emocional. Ele é um perfeito DOM.

Como este é o livro #2, em minhas pesquisas vi que o livro #1 é a mesma história contada pelo ponto de vista de Abby.
Uma bibliotecária que já conhecia Nathaniel e sabia de suas preferências sexuais. Ela tinha uma quedinha por ele, por isso não hesitou em se candidatar ao cargo de sua nova submissa. Mesmo sem ter qualquer experiência.
Nathaniel não pegava novatas para esse serviço, mas ao checar a ficha de Abby ficou curioso. E assim os dois entrarem nesse perigoso jogo.

Não vou dizer que o livro é ruim. Ele se mostra exatamente no gênero que se propõe, ou seja, pornografia em forma de romance. Mas sinceramente, mesmo sendo um livro de BDSM, já li livros muito mais hot. As cenas de dominação não tiveram novidades e achei que a linguagem usada pela autora (li no original em inglês) foram suaves demais.

E para completar, este é mais um livro que veio em forma de fanfics de quem? De quem? Pois é, meu povo, TWILIGHT.

Sinceramente, Dona Meyer, teria sido melhor que você tivesse escrito uma série de Crepúsculo com todo os "S" e "X" de sexo! Nunca vi uma série baunilha dar tanto filhote pornô como essa!!!! Pelamordedeus!!!!

Livros eróticos são interessantes, mas têm que ter algum enredo por trás, senão acabam virando mais um Kama Sutra dialogado.

Mais um livro do qual gostei do personagem masculino, vi um grande potencial, mas o enredo acabou estragando tudo.
Não senti conexão com os personagens. E apesar de ter de ser submissa entre 4 paredes, acabei achando a Abby submissa demais para o meu gosto. Em tudo!
O ritmo da história parece entrecortado, estranho...
Não tenho curiosidade de ler os outros livros da série.

Desculpe. Não é por ter sido fanfic. Não tenho nada contra esse gênero. Por mais que falem mal de 50 Tons, este ainda conseguiu se consagrar e tem várias partes boas.

2,5 estrelas

Os outros livros da série:

Livro #1 - The Submissive (A Submissa)



Livro #3 - The Training (O Treinamento) - lançamento previsto para outubro/2013


Sobre a autora




*ARC cedido pela editora, através do NetGalley, em troca de uma resenha de opinião sincera.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

(English review)

A book totally focused on the erotica.
From the beginning you know what for the characters came. Few dialogues and lots of slutty, all directed to BDSM.
What is interesting is that the main male character - it's HIS POV - it's up to a man who would make women turn their heads to look twice. Handsome, successful, with a hint of mystery even to close friends. But he likes  a relationship without emotional involvement. He is a perfect DOM.

As this is book # 2 in my research I saw that book # 1 is the same story told from  Abby's POV.
A librarian who knew Nathaniel for a long time and knew  his sexual preferences. She had a crush on him, so she does not hesitate to apply for the job to his new submissive. Even without any EXPERIENCE.
Nathaniel doesn't take newcomers to this "job", but checking Abby's file he was curious. And so the two begin this dangerous game.

I will not say that the book is bad. It shows exactly the genre that is proposed, ie, pornography in novel form. But honestly, even as a BDSM book, I've read books much more hot. The scenes of domination had no news and I think that the language used by the author was too soft.


Erotica books are interesting, but they have to have some storyline behind, or it would end up becoming more of a Kama Sutra dialogues.

It's another book I liked the male character, I saw a lot of potential, but the plot just ruining everything.
I felt no connection to the characters. And despite having to be submissive between four walls, just thought Abby too submissive for my taste. At all!
The pace of the story seems choppy, weird ...
I have no curiosity to read the other books in the series.
I am really sorry.

2,5 stars

Nenhum comentário:

Postar um comentário