quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Sarah Butler - Ten Things I've Learnt About Love








Ficha técnica: Ten Things I've Learnt About Love
Autora: Sarah Butler
Editora Penguin Press
Lançamento original: julho/2013
Lançamento BR: ainda não
320 páginas


"Alice acaba de retornar a Londres depois de meses  viajando por outros países. Ela recebe a notícia de que seu pai está morrendo, e chega na casa da família apenas à tempo de dizer adeus.

Daniel não tem um teto sobre sua cabeça por anos, mas para ele, a cidade de Londres, é como se fosse sua casa de uma forma que nenhum tijolo e argamassa pode explicar. Ele passa todos os dias à procura de sua filha, a filha que ele nunca conheceu. Até agora...

Comovente e com foco positivo, esta é uma história única de amor perdido e encontrado, de desenraizamento e de regresso à casa e ao poder dos laços que os unem. É uma história para pais e filhas em todos os lugares."

ROMANCE CONTEMPORÂNEO. DRAMA.


(English review scroll down)


A capa me chamou a atenção quando vi pela primeira vez. A vermelha, numa versão que mais parece uma lista. Gosto de livros que enumeram situações, dicas, sentimentos. Torna tudo um tanto organizado.

O livro é drama. Uma moça perdida em buscar sua identidade, seu lugar no mundo. A filha caçula entre 3 irmãs, que acaba tornando-se uma viajante, perdendo-se para se encontrar.

Enquanto estava numa dessas viagens, por pouco ela não consegue se despedir de seu pai que estava morrendo. E depois disso a descoberta: ele sequer era seu pai.

O outro personagem central do livro é exatamente o pai biológico de Alice, Daniel.
Ele é um sem teto, por opção. Não gosta de ter amarras, responsabilidades. Mas paradoxalmente ele está mais do que "acorrentado" ao passado. Tem uma fixação pela mulher que o deixou e pela filha que ele nunca conheceu.

O relacionamento deles quando se conhecem transmite sentimentos ao leitor que podem deixar margens à dúvida, se é que você me entende. Há momentos em que a maneira com que ele se refere à mulher que amou/ama e à filha, como se fossem a mesma pessoa, fundidas.

O enredo é interessante. Fala de encontros e recomeços, mas confesso que em alguns momentos me senti desconfortável... Sinceramente esperava algo diferente. Não um romance água com açúcar; mesmo  se tratando de uma história de relacionamento entre pai e filha, NA MINHA OPINIÃO, a escritora perdeu a mão em alguns momentos.

3 estrelas.

Abaixo, outras opções de capas:





Sobre a autora





*ARC cedido pela editora, através do NetGalley, em troca de uma resenha de opinião honesta

----------------------------------------------------------------------------------------------

(English review)


The cover caught my attention when I first saw it. The red edition that looks more like a list. I like books that enumerate situations, tips, feelings. Makes it somewhat organized.

The book is drama. A girl lost in seeking her identity, her place in the world. The youngest daughter among 3 sisters, which ends up making herself a traveler, losing herself to try to find answers.

While on these trips, she almost  couldn't say goodbye to her father who was dying. And after that a revelation: he was not even her father.

The other main character is exactly Alice's biological father, Daniel .
He is homeless by choice . Not like having links, responsibilities. But paradoxically he is more than "chained" to the past . He has a setting for the woman who left him and the daughter he never met .

Their relationship when they meet conveys feelings to the reader who can leave margin for doubt, if you know what I mean. There are times when the way he refers to the woman he loved / loves and her daughter, as if they were the same person, merged.

The plot is interesting. About lost and found,second chances, but I confess there were times I felt uncomfortable... I honestly expected something different. Not a sweet-sugar romance ... Even if it were a story of the relationship between father and daughter, IN MY OPINION , the writer "lost her hand" in a few moments.

3 stars.

Nenhum comentário:

Postar um comentário