quinta-feira, 16 de janeiro de 2014

Maratona Lua Cheia: R. E. Butler - Jason & Cadence (The Wolf's Mate Series #1)



Segundo a própria autora este livro contém: um lobisomem super apaixonado, muitas mordidas no pescoço e uso indevido do balcão de cozinha. É uma série direcionada ao público adulto, com conteúdo sexualmente explícito.

Oh my....



Ficha técnica: Jason & Cadence (The Wolf's Mate #1)
Autora: R.E. Butler
Editora self
Lançamento original: 2012
Lançamento BR: ainda não
242 páginas

"Por 14 anos, o lobo alfa Jason assistiu sua companheira parcialmente marcada Cadence viver sua vida sem ele. Circunstâncias levaram-no a agir de  maneira apressada e agora ele tem que encontrar uma maneira de levá-la a lembrar-se de suas memórias reprimidas antes que alguém a leve pra longe dele para sempre.

A loba híbrida Cadence  lembra-se que desde que se entende por gente, amou Jason com cada fibra do seu ser, mas ele está sempre a empurrando para longe até que o amor que sente por ele torna-se raiva e vergonha. Ninguém pode tomar o lugar dele no seu coração, mas isso não significa que não há lobos dispostos a tentar.

Será Cadence capaz de ultrapassar o comportamento gelado de Jason para atingir o coração do menino que ela sempre amou? Pode Jason desfazer o passado, dando a eles a chance de um futuro juntos?"

ROMANCE CONTEMPORÂNEO. ERÓTICO. SOBRENATURAL. INÉDITO.

Cadence teve a vida conturbada e modificada já no ato de seu nascimento. Sua mãe era loba mas seu pai era humano. Normalmente nessa mistura, o bebê nasce totalmente humano. Mas quando a mãe de Cadence estava nos últimos dias  de gestação, ela foi atacada por uma loba alfa de outro clã. O parto teve de ser feito de emergência e a parturiente não resistiu. Algo aconteceu mudando o metabolismo do bebê e tornando Cadence uma híbrida.

Ela tinha ótimos reflexos, era mais forte que uma humana e também mais rápida, mas ela não tinha uma audição e faro aguçados como os lobos. E muito menos ela podia transmutar.

Por ter perdido a esposa de forma tão trágica, o pai dela ficou totalmente avesso a qualquer tipo de contacto com clãs e também não permitia que a filha se unisse a qualquer um deles. Ela tinha amizades entre os lobos, mas não pertencia a um clã.

Acontece que eles viviam numa cidade onde havia dois clãs que interagiam em paz, os Garra e os Tressel. Vários lobos eram vizinhos, e um deles havia conquistado o coração de Cadence desde que ela era uma garotinha, Jason Gerrick.

Cinco anos mais velho do que ela, Jason sempre a defendeu quando necessário, mesmo percebendo que ela era durona e conseguia se virar muito bem sozinha.
Na verdade, Jason gostava de Cadence tanto quanto ela gostava dele, mas ela não era totalmente uma loba, e não pertencia a nenhum clã.

Os nascidos lobos entravam num período de mutação aos 16 anos. Isso queria dizer que seu lado animalesco vinha à tona durante um bom tempo, até que a pessoa conseguisse domar a sua fera interior. Enquanto isso, a pessoa tornava-se perigosa até mesmo para seus familiares.

Por gostar muito de Cadence e estar próximo a seu período de transformação, ele queria ter certeza de que ela seria dele enquanto ele ficasse um tempo afastado controlando seu lado selvagem, e num dia à tarde ele a mordeu no pescoço. Mas antes que ele terminasse o processo, dizendo a ela que a estava mordendo porque a marcava como dele, o pai dele presenciou a cena e o interrompeu.

Cadence além de ser ainda uma criança, era parcialmente humana, e seu pai odiava os lobisomens. Poderia utilizar aquela mordida na filha como desculpa para colocar Jason na cadeia e desestabilizar o clã dos Tressel, ao acusar o próximo alfa. Pensando assim, o pai de Jason criou um decreto proibindo que qualquer um contasse a Cadence o que aquela mordida significava, A NÃO SER que ela mesma se lembrasse do ocorrido.

Isso queria dizer que ela não havia sido plenamente marcada por Jason; que ela não lhe pertencia; e que qualquer outro lobisomem poderia reivindicá-la.

Os anos passam, a mordida no pescoço de Cadence quase não aparece, e ela nunca se lembra do ocorrido.
Outros lobisomens começam a rondá-la, e o alfa do clã dos Garra, onde Cadence trabalhava no bar, avisou a Jason, agora já o alfa de seu clã, que ele teria um mês para fazê-la lembrar-se de tudo e reivindicá-la para si, senão todo e qualquer lobisomem estaria no páreo para conquistá-la, inclusive o próximo alfa Garra, Chris.

O que achei interessante neste livro é que, apesar de ser considerado erótico, ele tem na verdade um enfoque mais romântico.
As leis dos clãs são explicadas de uma maneira simples e direta, fechando o cerco em relação a como Jason estava de mãos atadas quanto à confusão que ele mesmo criara quando jovem.
A agonia dele em não poder contar nada a ela, de que ela de certa forma lhe pertencia, mas ter de fazê-la lembrar, é tão bem passada para o leitor, que você se pega torcendo que algo aconteça para reverter aquele quadro desfavorável a ele.

O enredo tem ação, briga entre os clãs, umas reviravoltas muito loucas.
A heroína tem uma personalidade forte e mesmo tendo uma certa desvantagem em relação às mulheres totalmente lobas, ela não se deixa intimidar - prestando atenção na cena da briga no bar. Muito boa!

Adorei e espero que o restante da série mantenha a boa qualidade na história.

Os outros livros da série são:
2. Linus & The Angel
3. Callie & The Cats
4. Michael & Shyne
5. Bo & Reika
6. Logan & Jenna

5 ESTRELAS

Para adquirir:   Amazon  |  Barnes & Noble

Sobre a autora


Goodreads  |  Website  |  Twitter  |  Facebook



Nenhum comentário:

Postar um comentário