terça-feira, 11 de fevereiro de 2014

Jessica Spotswood - Enfeitiçadas (As Crônicas das Irmãs Bruxas #1)



Ficha técnica: Enfeitiçadas (Born Wicked)
Autora: Jessica Spotswood
Editora Arqueiro
Lançamento original: 2012
Lançamento BR: 2014
272 páginas

"Antes do alvorecer do século XX, um trio de irmãs chegará a idade adulta, todas bruxas. Uma delas terá o dom da magia mental e será a bruxa mais poderosa a nascer em muitos séculos: ela terá poder suficiente para mudar o rumo da história, para suscitar o ressurgimento do poder das bruxas ou um segundo Terror. 
Quando Cate descobre esta profecia no diário de sua mãe, morta há poucos anos, entende que precisa repensar seus planos. Qual será a melhor opção: servir a Irmandade, longe dos olhos vigilantes dos Irmãos Caçadores de Bruxas, aceitar uma proposta de casamento que lhe garanta proteção e segurança ou abandonar tudo e viver um grande amor proibido?"


ROMANCE HISTÓRICO. DRAMA. SUSPENSE. FANTASIA. YOUNG-ADULT.


Uma profecia. Uma nova religião caçadora de bruxas. Um época em que as mulheres não tinham direitos. Três irmãs ameaçadas de morte.

Um tema como este normalmente viria carregado de dramas, cenas pesadas, referências históricas de arrepiar os cabelos, mas por incrível que pareça, Jessica passeia pelo assunto com muita propriedade.

A época era a de caça às bruxas e por conta dessa profecia sobre três irmãs bruxas (o que por si só já era difícil de se encontrar), nas quais uma delas teria um poder supremo: o mental, e por conta disso, ela traria a libertação das outras de sua espécie, as irmãs Cahill corriam um sério perigo.

Cate, Maura e Tess. Cate, a mais velha, carregava o difícil fardo de educar suas irmãs mais novas. A mãe delas havia morrido há poucos anos, após um parto complicado, e o pai, um estudioso e professor, fechara-se em seu mundo literário e viajava muito.
A vida delas até poderia ser normal se elas não fossem bruxas (herdado pelo lado materno) e vivessem numa época em que os "Irmãos" pregavam tanto sobre os perigos das mulheres com pensamentos emancipados e independentes, o que para eles também era sinônimo de bruxaria.

As irmãs praticavam o pouco da magia que haviam aprendido com a mãe no quintal de casa, em seu jardim especial. Elas não ousavam contar sobre isso para ninguém. Mas com suas viagens intensificando, o pai delas decide contratar uma nova governanta para educá-las principalmente para que se preparassem para casar.

Acontece que pela lei local, na idade em que Cate se encontrava, próximo aos 17 anos, ela teria de apresentar à congregação uma das duas opções: ou ela escolhia alguém para casar ou ela entregaria sua vida à Irmandade, uma espécie de convento. E apesar de Cate ter uma certa queda por Paul McLeod, ela havia jurado à mãe que tomaria conta de suas irmãs. E Paul queria casar-se com ela e ir morar longe.

Nesse ínterim, além da chegada da governanta - que poderia descobrir o segredo delas -, e de sua idade limite, Cate recebe uma carta avisando-a sobre o perigo que corriam por causa da profecia - a mãe delas desconfiava que elas eram as envolvidas -  e ela começa a sentir algo diferente pelo jardineiro da família, Finn Belastra, dividindo sua atenção e seus pensamentos em relação a um relacionamento.

Por sua pouca idade e inexperiência, era muita coisa para Cate absorver sozinha. 
Sua irmã caçula Tess mostra-se centrada, disposta a ajudar, com seus poderes desenvolvendo a olhos vistos, mas Maura entrara numa fase rebelde, enfrentando as decisões de Cate. E isso seria um verdadeiro perigo já que a segunda parte da profecia estava intimamente ligada a isso...

Cate descobre novas formas de poder, outras pessoas com o mesmo dom que ela e suas irmãs, encara mentiras, traições e tem uma difícil decisão a tomar. Tudo isso num curto espaço de tempo. E sua decisão poderá mudar todo o rumo das irmãs Cahill...

Um livro young-adult com narrativas históricas verdadeiras sobre a época da inquisição e caça às bruxas, além de permear o período da colonização da América.

As descrições dos altos e baixos sentimentais por que Cate passa são muito boas e no final o leitor sente a respiração presa ao constatar o caminho tomado por ela.
Uma trilogia que ainda reserva muitas surpresas, e espero, trazendo um final encantador.

Adoro finais felizes!!!!

O próximo volume, AMALDIÇOADAS, terá esta mesma capa:




Sobre a autora


Goodreads  |  Website  |  Facebook  |  Twitter

2 comentários:

  1. Tb adoro finais felizes, e vou ler assim que a fila permitir rs.
    Adorei resenha!
    Obrigada, bjs.

    ResponderExcluir
  2. vc sabe ,e dizer quando lanca amaldicoadas
    ?

    ResponderExcluir