quinta-feira, 15 de maio de 2014

Sylvia McDaniel - The Christmas Bride (The Burnett Brides #4)



Ficha técnica: The Christmas Bride
Autora: Sylvia McDaniel
Editora self indie
Lançamento original: novembro/2013
Lançamento BR: ainda não
264 páginas

"Na cidade histórica de Fort Worth, Texas, a mãe casamenteira, Eugenia Burnett, alcançou seus objetivos. Seus três filhos são felizes no casamento, mas ela não desistiu de suas artimanhas para fazer os outros casarem. Agora ela está apresentando viúvas a viúvos solitários. Até que um viúvo, fazendeiro, Wyatt Jones, permite que ela saiba que ele está interessado apenas em uma mulher, ela. Venha celebrar um Natal  com a família Burnett e assistir Mama Burnett  conhecer o seu parceiro ideal."



ROMANCE HISTÓRICO-WESTERN. INÉDITO.

Imagina a cena: você sentada num Café com sua amiga, tentando convencê-la a levar o melhor prato que ela faz (no caso, galinha com arroz) a um dos viúvos mais ricos da região. Nesse instante, esse mesmo viúvo entra no Café, com um simpático sorriso nos lábios, e se dirige até sua mesa. De uma antiga bolsa de viagem, ele começa a tirar panelas e mais panelas, colocando-as na mesa, e lhe diz que a única panela na qual ele está interessado é a sua!!!!



É assim que começa o embate entre Eugenia Burnett, a casamenteira da cidade, e Wyatt Jones, o rico fazendeiro.

Ambos eram viúvos - ele há menos tempo do que ela, e na época em que eram casados um certo acontecimento fez com que eles percebessem uma faísca entre eles. Mas ninguém traiu ninguém. Eugenia enviuvou primeiro, e o fato de Wyatt ainda estar casado era um fator de proteção para ela. Mas agora ele também se encontrava sozinho. E havia falado em alto e bom som - e agora toda a cidade já sabia, inclusive os filhos e noras dela! -, que a única mulher a qual ele estava interessado era ela.

Tudo poderia ser fácil. Nada impedia que eles ficassem juntos, a não ser a cabeça (ou trauma) de Eugenia.
Por mais de 20 anos Eugenia e Thomas Burnett ficaram casados. Eles se amavam, mas por ter se casado muito nova, aos 15 anos, a dinâmica de seu casamento sempre pareceu o de pai e filha. Seu marido em muitas ocasiões ditava como ela deveria fazer as coisas; e agora que ela se encontrava sozinha, possuía uma liberdade que não queria perder.
Wyatt era uma homem bonito para sua idade - na faixa dos 40. O físico de fazendeiro que coloca a mão na massa, estava muito bem esculpido e sua fazenda, assim como a da própria Eugenia, era uma das mais prósperas da região. Mas como ela iria abrir mão do que conquistara há tão pouco tempo?



Digamos que Wyatt não era também uma pessoa de desistir fácil. Ele começa a sua investida e bola alguns planos para fazê-la entender que eles dariam muito certo juntos. Como ele sabia?



O beijo nunca tinha sido tão bom na vida!!!!

Mas Eugenia era teimosa e levou um bom tempo até que ela aceitasse o fato de que eles poderiam ser parceiros, inclusive nas futuras decisões; e ela teria voz e vez na vida deles.
Claro que até chegar lá algumas situações engraçadas ainda acontecem.

Adorei a história a começar porque os personagens centrais não são jovens. A impressão que me deu é que Eugenia é até pouca coisa mais velha que Wyatt.
O livro não é hot, é romântico sexy (quem disse que na H o casal brinca em serviço?).
O ritmo é delicioso.
E mesmo sendo o livro #4 de uma série, você pode lê-lo sem problema de infartar.

5 ESTRELAS.

E para uma boa trilha sonora, nada como uma música country...






Sobre a autora


Goodreads  |  Website  |  Facebook  |  Twitter


*Ao som de "It's Your Love", com Faith Hill & Tim McGraw

Um comentário:

  1. O que não me conformo dessas resenhas maravilhosas é o detalhe: sem previsão de lançamento aqui, homessa! Bom, mas o que vim mesmo comentar foi, vc quer nos matar né, rsrs, o que é esse lindão da foto?! Morri!!!

    Bjs.

    ResponderExcluir