domingo, 2 de novembro de 2014

Semana Editora Arqueiro: Nora Roberts - Felizes Para Sempre (Quarteto de Noivas #4)



Ficha técnica: Felizes Para Sempre (Happy Ever After)
Autora: Nora Roberts
Editora Arqueiro
Lançamento original: 2010
Lançamento BR: 2014
304 páginas

"Parker Brown sabe que subir ao altar é um dos momentos mais extraordinários na vida de um casal. Por isso ela administra a Votos a bem-sucedida empresa de organização de casamentos que fundou com suas três melhores amigas com pulso firme e muita dedicação. 

Seu dia de trabalho começa cedo às vezes de madrugada, quando alguma noiva ansiosa lhe telefona aos prantos. Mas ela não se importa. Cada vez que ajuda uma mulher a escolher o vestido perfeito para o grande dia ou vê o sorriso nervoso e feliz de um noivo no altar, ela sente que está dando sua contribuição para uma história igual à de seus pais. 

Porém a rica, linda e inteligente Parker também quer ser feliz no amor. Só que, em vez do intelectual sensível que sempre esteve em seus planos, parece que o destino lhe reservou uma surpresa. 

Malcolm Kavanaugh é um mecânico de automóveis e ex-dublê de filmes de ação. Amigo do irmão de Parker, ele não tem vergonha de elogiar as belas pernas da moça e, com suas mãos ásperas, faz com que a empresária certinha e controladora simplesmente perca o chão. 

Agora eles vão descobrir que, mesmo com suas diferenças, podem completar um ao outro. E quem disse que o príncipe encantado não pode chegar numa Harley-Davidson?"


ROMANCE CONTEMPORÂNEO. LANÇAMENTO. CHICK LIT.

Terminar a semana de livros da editora Arqueiro com a diva-mor não há maneira mais perfeita. Além disso, este é o último da série Quarteto de Noivas.

Você já leu os anteriores? Se não, aqui as resenhas:

Finalmente chegou a vez da controlada, organizada e por que não dizer, manda-chuva, Parker Brown.
Parker era a dona da mansão onde funciona a famosa Casa de Cerimonial Votos - que herdou com o irmão por ocasião da morte de seus pais.
Ela idealizou o projeto da empresa incluindo as três amigas no empreendimento.
Vindo de uma família muito rica e importante na cidade, ela teria tudo para ser mais uma Patricinha e viver dos louros recebidos, mas não. Depois que passou o período de luto, ela arregaçou as mangas e propôs que criassem juntas uma casa de festas e cerimonial que faria toda a diferença.
Cada uma das amigas tem o seu papel especial no funcionamento da empresa. Inclusive a Sra G, que trabalha para os Brown há anos e já é mais do que considerada da família.
Mas além de tudo, cada uma delas já encontrou o amor de sua vida e está de casamento marcado, e Parker quer que cada uma tenha o seu momento inesquecível. E sendo como é, na certa Parker conseguiria isso para todas.
Mas havia um problema: quando crianças e as 4 brincavam de casamento, elas revezavam o papel. O noivo poderia ser do irmão de Parker ao cachorro, mas o importante era: TODAS casavam de mentirinha. E agora, Parker é a única que sequer tem namorado.
Bom, se dependesse de Malcoln Kavanaugh isso mudaria em breve...


Mal tem participação desde o primeiro livro, mas passa tão rápido que nem é percebido. Mas no livro #2 ele já mostra sua potência. E neste aqui...Uau!!! Delicinha!!!

Ele trabalha como o mecânico do irmão de Parker, Del, e faz parte da turma de amigos que joga pôker às terças. Até então todos solteiros. Mas desde que entrou na vida - mais propriamente dizendo, nos carros - das meninas da Votos, ele passou a ser um habitué na casa. E uma coisa Parker precisava admitir: ele mexia com ela.
Isso porque ele era totalmente imprevisível.
Todos os homens com quem Parker já havia saído eram quase que da mesma fôrma e, muito provavelmente, do mesmo circulo de amizades.
Malcolm agora estava bem de vida. Sua oficina era bem conceituada na região e ele ainda trabalhava com restauração de carros antigos, o que lhe dava uma boa grana. Mas ele não havia nascido em berço de ouro. Na verdade, sua vida havia sido bem difícl desde a morte de seu pai na guerra, ficando ele e sua mãe à mercê da ajuda do irmão crápula dela, o tio Artie.
Porém, Malcolm com toda a fase de rebeldia, galgou o seu espaço, trabalhou como dublê em Hollywood e acabou ganhando dinheiro suficiente para montar seu atual negócio.

De uma maneira boa, Mal consegue quebrar as barreiras que Parker impõe quando quer mostrar não estar interessada, mas quem resistiria a um homem com as definições acima, que já era amigo de seu irmão e, ainda por cima, lindo?

Parker não tinha problemas em relação a envolver-se romanticamente. O casamento de seus pais havia sido mais do que feliz e, por (in)felicidade do destino, até morreram juntos. Na cidade todos falavam do casal Brown sempre mostrando a áurea de amor e encantamento entre eles. 
O caso de Parker era que os caras pareciam iguais!! A única vez em que achou estar mesmo apaixonada foi na ocasião do acidente de seus pais e o carinha em questão sequer apareceu para dar apoio.
Trabalhar realizando felicidade alheia - e agora mais ainda com 3 amigas apaixonadíssimas e com o dia do "sim" marcado, lembrava a Parker a todo momento o que ela ainda não tinha. E definitivamente Malcolm não entrava no estilo de homem que ela começaria a procurar para si. Mas foi exatamente por isso que ele pôde se aproximar, e encurralá-la e trazer à tona tudo que ela precisava.

Foi instantâneo e mágico? Nem pensar! Em alguns momentos a gente quase a consegue ver como a Dama de Gelo, mas nunca foi por soberba. Tinha que ser a pessoa certa para esse trabalho e Mal... Bom, é o bad boy que fascina qualquer uma.

Quarteto de Noivas é uma série recente da diva. Apesar de ter amadorado cada um dos livros, não digo que é a melhor série dela. Entretanto, ela dá à leitora exatamente o que é esperado: muito romance e uma esperança de que tudo se ajeita no final, ou, dias melhores virão. Além do que a amizade entre Parker, Mac, Laurel e Emma é linda de se ver.
A leitura de cada um deles proporcionou momentos únicos e na certa vou reler todos num futuro.

Abaixo, as capas lá de fora.





5 ESTRELAS!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário