terça-feira, 25 de agosto de 2015

ESQUENTA BIENAL | J R Ward - Os Sombras (Irmandade da Adaga Negra #13)




Ficha técnica: Os Sombras (The Shadows)
Autora: J R Ward
Editora Universo dos Livros
Lançamento original: março/2015
Lançamento BR: setembro/2015
672 páginas
POV:terceira pessoa
Gênero: Chick Lit; Fantasia; Aventura

Protagonistas: Trez Lath (Latimer) e Selena
Local/ano: Caldwell, NY; Território de S'Hisbe/atual

Trez "Latimer" não existe de fato. E não apenas porque a identidade havia sido criada para que o Sombra pudesse viver no mundo humano. 
Vendido por seus pais para a Rainha dos S'Hisbe quando criança, Trez fugiu do Território e se tornou um cafetão e executor em Caldwell, Nova York, por anos - o tempo todo fugindo de um destino de escravidão sexual. Ele nunca teve alguém em quem pudesse confiar totalmente... exceto seu irmão, iAm. O único objetivo de iAm sempre foi impedir que o irmão se autodestruísse - e ele sabia que falhara.

Isso, até a Escolhida Selena entrar na vida de Trez, e o macho começar a mudar as coisas... mas aí já era tarde demais. 
A promessa de se casar com a filha da rainha se aproxima, e não há para onde correr, se esconder ou negociar.
Preso entre seu coração e um destino que ele nunca se ofereceu para ter, Trez deve decidir se colocará em perigo a si mesmo e a outros - ou se deixará para sempre a fêmea que está apaixonado. Mas, então, uma inegável tragédia acontece e muda tudo. Olhando para o abismo emocional, Trez deve encontrar uma razão para seguir em frente ou correr o risco de perder a si mesmo e sua alma para sempre. E iAm, em nome do amor pelo irmão, depara-se com o sacrifício final...


Olhe para o céu. É ele quem define o futuro; quem diz o que você será, e, mais importante, se você vai viver ou morrer.
É assim que funciona na sociedade dos SOMBRAS.
Por causa disso, no nascimento dos gêmeos iAm e Trez, este foi escolhido por sua "boa sorte" a ser o reprodutor da Princesa, receberia todas as honrarias e em troca seus pais o venderiam e teriam ascensão social.

Os anos passam. E acontece que Trez pouco se importa com essa sua honraria, e foge do Território de S'Hisbe. Logo o seu irmão se junta a ele, vivendo entre os humanos, com nova identidade, e assim ficariam por muito tempo.

Trez quase teve uma chance de fugir à sua sina quando soube que a rainha dos sombras estava grávida e poderia ter um filho. Acontece que nasceu mais uma menina, e por azar da criança, ela nasceu no período péssimo e por isso foi morta. Isso queria dizer que tão logo a rainha saísse de seu período de luto, o plano original seria retomado.

Trez encontrou Rhevenge uma vez quando este teve um dos seus encontros com a Rainha escorpião. Ele sempre voltava de lá totalmente doente, envenenado. Trez o ajudou e em troca Rhevenge lhe ofereceu emprego como um dos leão de chácara de seu antigo clube.

Agora que Rhevenge não tem mais o seu clube, e tornou-se o rei entre os Symphatos, Trez e iAm são donos do próprio clube, o ShAdoWs. Além disso, como bom cozinheiro que é, iAm é chef do restaurante Sal's.
Os sombras, além de serem guerreiros, homens enormes em estatura, têm o poder de entrar na mente das pessoas e mudar pensamentos - sugestionar.

Em livro anterior já sabemos que Trez conheceu Selena na propriedade do Primale (Phury), onde ele mora com sua esposa Cormia e outras Escolhidas que decidiram experenciar a vida na terra, e agora está mais do que possessivo com ela. Tanto que, quando Rhage e Visious estavam em casa, de molho, sem poder lutar, por terem se machucado, e Rhage tomou da veia de Selena, quase houve uma morte na mansão. E só então que todos ficam sabendo que Trez havia criado uma laço com a Escolhida (e isso para qualquer macho era sagrado).

A Dra. Jane, médica do complexo da Irmandade, fica bem ocupada neste livro. 
O irmão de Qhuynn, Luchas, havia sido salvo quando era mantido prisioneiro entre os lessers, enquanto testavam nele uma nova "arma" a partir do sangue de Ômega. Desde que perdera a família, Luchas já não era mais o mesmo e ele decide se matar por inanição.

Mas a partir daí também começa a aparecer mais vezes o problema de saúde de Selena.
A Dra. Jane tenta descobrir o que a paciente tem, mas é algo além da medicina humana. Pelo raio-x, as juntas, os ligamentos e tendões de Selena estão solidificando como que em cimento. Esta doença é chamada A Prisão, na qual a pessoa fica presa em seu próprio corpo. Na Terra não havia uma cura, mas como neste livro finalmente a Virgem Escriba faz a sua aparição, há aquela esperança de que esta possa ser curada, assim como Mary o foi.

Trez, cada vez mais envolvido com Selena, decide que vai tornar os dias dela cada vez melhores, e para isso, ele vai realizar todos os desejos dela, por mais comuns e bobos que sejam. E é assim que ele a leva a jantar num restaurante chique, ou a leva a se divertir num parque de diversões, ou a andar de barco.
Todas essas saídas tiveram a ajuda das outras pessoas da mansão, seja na hora de arrumar Selena para o jantar (finalmente ela tira aquela "camisola" que as Escolhidas usam o tempo todo e se veste num tubinho preto), seja mantendo uma ambulância a postos próximo ao local do encontro deles.

Enquanto isso, a vida em volta continua o seu caos.

*Tohment anuncia que o Centro de Treinamento será reaberto. E agora vão aceitar garotas!!
E as incrições começam, via internet, quando as famílias, Glymera (alta sociedade vampiro) ou não, recebem o email.
Uma das pessoas a receber é Paradise, filha de Abalone, conselheiro-mor de Wrath.
Peyton, filho de Peythone, amigo de longa data de Paradise, a provoca para ver se ela tem mesmo coragem em se inscrever, apesar da contrariedade do pai desta.
Numa tarde em que ela estava no local de audiência, ajudando seu pai no trabalho, um rapaz chega pedindo o formulário para se inscrever (ele parece não ter email, nem ser de família importante). Craeq. Paradise fica totalmente encantada com ele.

*O rei Wrath continua a receber seu povo em audiência na antiga casa de Darius.

*Layla e X-Cor continuam naquele chove-não-molha de relacionamento, em que ela sai escondida para se encontrar com ele e fica dividida entre cumprir o acordo deles de só ficarem juntos depois que o bebê dela e Qhuynn nascer, ou ser pega de jeito pelo Bastardo e levar um créu.

*Por motivos intimamente ligados ao caso Selena-Trez, Rhage começa a sofrer de uma espécie de ataque de pânico. 

*Assail volta a aparecer e por duas vezes procura Wrath para informá-lo dos avanços dos lessers na guerra. Mas Wrath não confia nele e esse acôrdo de cavalheiros está prestes a ser quebrado.

*Os Bastardos se revoltam com a falta de liderança de X-Cor e acabam encurralando-o contra a parede. Todos sabem que o motivo de sua falta de foco na vingança contra Wrath é Layla. Throe acaba saindo do grupo e agora passa a planejar uma vingança diferente.

Enquanto isso, Trez vive sua história de amor, mas o relógio está correndo, literalmente, não só em relação ao futuro de Selena, mas também sobre o retorno dele ao Território de S'Hisbe para pôr em prática o que foi definido para seu futuro, ser o Ungido.
Querendo ajudar o irmão, iAm retorna ao Território em busca de uma cura à doença de Selena na grande biblioteca. Acaba sendo pego numa armadilha e na prisão ele entra em contato com uma serva diferente; alguém que parecia conhecer o local como ninguém e até mesmo ter uma certa regalia ali. Ela decide ajudá-lo a encontrar a cura.

E, então, tudo passa a acontecer rapidamente.
Uma nova guerra é declarada. Wrath toma uma posição não esperada por iAm e Trez. E a "Rainha" guia os passos para um futuro mais promissor, dando início a uma nova Irmandade, salvando aqueles sem esperança, com a instituição de novas leis entre os Sombras, e ajudando no encontro do amor...

"Durante todo o trajeto ao complexo da Irmandade, iAm tinha o quadro de seu irmão e Selena em sua mente, os dois dançando como um casal de adolescentes. Uma pena que eles fizessem parte de um romance de John Green..."
  

Bom... Primeira coisa que eu preciso te avisar:

COMPRE CXS E MAIS CXS DE LENÇOS!!!!!!


Jesus, Maria, José! Neste livro a Ward exagerou no quesito lágrimas. Chorei litros, desidratei.



É difícil pensar que em meio a uma série de aventura e fantasia, repleta de vampiros guerreiros, inimigos querendo derrotá-los, a autora conseguisse encaixar um romance que tocasse tão fundo.
Vou dizer, mesmo com tanta lágrima, este livro aqui é melhor que o anterior (desculpe, Wrath).

Sem poder contar mais do que já foi resumido acima (com perigo de acabar soltando spoilers), vamos alavancar alguns pontos:

*Lassiter continua sendo maravilhoso. Engraçado e nada discreto, ele descobre de cara quando o virgem iAm dá sua primeira trepada, e não se faz de rogado ao contar para todos em alto e bom som;

*A Virgem Escriba volta de suas férias em Bora Bora;

*Se no livro O REI, as cenas chatas eram protagonizadas por Assail e Sola, aqui são as de Layla. E por falar nela, ainda estou em dúvida se só a acho chata, ou se também a acho burra;

*Xhex aparece pouco, mas quando aparece, diz a que veio. Não mede palavras;

*O estranho amor do gato Boo por iAm pode render algo mais no futuro. Ainda acho que esse gato esconde o jogo;

*Dra. Jane usa Crocs vermelhos!!!!

*Phury e Cormia têm um filho;

*Uma coisa muito legal de observar é a unidade dos moradores da mansão. Eles formam um time quando se trata em ajudar uns aos outros. No livro Amante Finalmente, vimos que todos se uniram e felicitaram pelo casamento de Blay e Qhuynn; em O REI, a arrumação divertida para o casamento humano de Wrath e Beth (melhor cena sempre!!! Culpa de Lassiter); e agora, vemos a disposição das mulheres (até Xhex!) em ajudar Selena a ficar bonita para o seu encontro romântico com Trez, ou em Rhage e Dr. Manolo ficarem horas de plantão numa ambulância tomando conta do casal enquanto este se divertia;

*Boa parte da aparição de Paradise, Peyton e Craeq é para introduzir a nova série da Irmandade da Adaga Negra que vai voltar ao estilo primórdio, dando ênfase ao treinamento de novatos e a guerra contra os lessers (assunto que foi se perdendo). Série marcada para ser lançada em 1° de dezembro/2015 (lá fora). E capa já revelada:


*E para as fãs de Rhage e sua Besta, a aparição dele excessiva no livro Os Sombras é porque o próximo livro da série (a ser lançado em março/2016) é sobre ele e sua Mary. O livro enfoca o dilema em que ele passa a viver a partir da divulgação da doença de Selena. Ele se lembra de tudo que viveu com Mary e da forma que esta acaba sendo curada pela Virgem Escriba - mas, por outro lado, a VE não salvou a esposa de Tohrment.
Além disso, há toda a expectativa dos fãs em saber como ele e Mary finalmente terão um bebê, já que ela tornou-se estéril com todo o tratamento contra o câncer. Tudo leva a crer que será uma adoção de uma das crianças do Lar Seguro, local onde Mary trabalha ajudando mulheres vampiras vítimas de abusos dos homens.
E ainda tem o lado de Mary, que, vendo o marido passar a agir de forma estranha, e sendo ele lindo como é e continuar sendo assediado por outras fêmeas, começa a se sentir insegura em relação ao casamento deles. Será que vampiros se divorciam?

A capa também já foi divulgada:




 Sobre Os Sombras, 5 ESTRELAS!!!!

Faltam 09 dias para a Bienal/RJ


Nenhum comentário:

Postar um comentário