sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

Carrie Elkes - Um Recomeço para o Amor (Love in London #1)




Ficha técnica: Um Recomeço para o Amor (Coming Down)
Autora: Carrie Elkes
Editora Universo dos Livros
Lançamento original: 2014
Lançamento BR: 2015
336 páginas
POV: primeira pessoa - Beth
Gênero: Romance contemporâneo; Chick Lit; Drama

Protagonistas: Beth Lawrence; Simon; Niall Joseph
Local/ano: Londres/atual (e até 10 anos antes)

"Beth Lawrence tem 29 anos e está com a vida de volta nos trilhos: um emprego que ela ama, um marido rico e uma bela casa estão muito distantes da tragédia que a atingiu quando tinha 19 anos. Porém, uma antiga paixão ressurge e traz lembranças de um passado que ela se esforçou para esquecer. 

Niall Joseph é um artista promissor que acaba de retornar de uma temporada de sucesso nos Estados Unidos. Dando aulas como voluntário em uma clínica de reabilitação no centro de Londres, a última pessoa que ele espera ver é a garota que partiu seu coração nove anos antes. Com Niall e Beth trabalhando juntos, o vínculo entre o casal se estreita e a antiga faísca se reacende. Mas nenhum deles pode prever o quanto é difícil trilhar a linha tênue entre amizade e desejo."


Beth não pode ser considerada uma mulher fácil de lidar.
Hoje em dia sua vida pode ser considerada como estando nos eixos. Ela tem um marido que cuida dela; ele é bem mais velho e se conheceram quando Beth estava numa fase particularmente difícil e seu traquejo social não era dos melhores. Como o cavalheiro "de armadura brilhante" que era, Simon a apoiou, cortejou-a durante meses até que finalmente se casaram.
Não para a alegria da filha dele, Elise, que gerenciava uma galeria de artes e era um pouco mais nova que Beth.

Beth trabalha numa clínica para dependentes químicos, mas na ala do clubinho das crianças; para os filhos desses dependentes terem onde ficar. Ela começou o trabalho como voluntária, mas logo o seu jeito de lidar com as pessoas foi percebido e ela foi efetivada no emprego.
Ela adora o que faz. Ela se preocupa genuinamente com as pessoas que passam por ali, especialmente Allegra, uma menina muito vivaz para sua pouca idade, cuja mãe vive sendo internada por conta de seu vício em heroína, e isso faz com que Allegra entre e saia do programa de adoção temporária.
Nesse clubinho, Beth aproveita para ensinar um pouco de arte às crianças.
Ela quase se formou em Oxford e nesse quase, muita coisa aconteceu em sua vida...

Nove anos antes, Beth era uma aluna aplicada de Artes. Mas houve uma coisa, ou melhor, uma pessoa, que a fez mudar o curso de sua vida: Niall Joseph.

Niall era lindo, inteligente, sexy, talentoso... e traficante. 
Na verdade, a maioria dos amigos de Beth era viciada em uma ou outra substância ilícita, e ela acabou entrando na dança para se enturmar. E isso fez com que ela, a menina da chuva ou Íris, estivesse sempre presente nas reuniões e se aproximasse de Niall, sua paixão secreta.
Tudo poderia continuar perfeitamente bem se um dos usuários não acabasse morrendo. Quando todo o inquérito começou, nenhum dos usuários costumeiros entregou quem era o fornecedor, e isso inclui Beth.
Entretanto, como todos os pais foram notificados, o pai de Beth não gostou nada de ver a filha de certa forma envolvida nisso.
Ela se afastou de Oxford. Ela se afastou de Niall. A vida dela caiu num espiral de insegurança.

Os anos passam e Beth só começa a se reencontrar quando arruma esse trabalho na clínica e conhece Simon. Tudo, então, estava bem. Ela tinha seu trabalho; alguns amigos e um marido que ela ama. Mas como a vida adora fazer testes, ela traz de volta Niall e Beth encontra-se entre a garota perdida e a mulher decidida.

Para Simon, o trabalho dela deveria ser apenas uma distração, nada que trouxesse ônus ou atrapalhasse a dinâmica do casamento deles. Quando determinadas coisas começam a acontecer no trabalho dela, Simon coloca-a contra a parede, e finalmente Beth terá de crescer por conta própria.
Enquanto isso, Niall, trabalhando no mesmo clubinho que ela e sendo agora um artista famoso, mexe com as estruturas dela que deveriam estar firmemente estabelecidas - ou pelo menos era isso que ela achava -, e dentre elas, a paixão antiga e o desejo de viver além do esperado socialmente.

O livro é bem dramático. Não do tipo que te faz derramar litros de lágrimas, mas do tipo que te faz pensar.
A protagonista não é carismática. Na verdade, a sensação que você tem é que ela está num limbo e que vai acordando aos poucos.
Não há mocinhos e bandidos. Simon parece do tipo irredutível? Bom, ele sempre deixou claro os pontos dele; ninguém poderia acusá-lo de tê-la enganado no futuro. Niall parece um bon-vivant? Ele também sempre manteve as asas de fora. É Beth quem precisa crescer, aprender a decidir por si.

A narrativa alterna presente e passado.
O ritmo é lento.
Apesar de ser uma série, este volume não tem cliffhanger.

Recomendação: para quem gosta de livros com ritmo mais calmo. Romance, não é hot.
Reação: sabe a sensação de estar boiando numa piscina? Aquela calma? Pois foi assim que me senti. O livro não tem muita ação.

4 estrelas. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário